28 fevereiro 2012

Resenha: A Menina que não Sabia Ler


Autor: John Harding
Editora: Leya
Páginas: 282
Ano: 2010
 1891. Nova Inglaterra. Em uma distante e escura mansão, onde nada é o que parece, a pequena Florence é negligenciada pelo seu tutor e tio. Guardada como um brinquedo, a menina passa seus dias perambulando pelos corredores e inventando histórias que conta a si mesma, em uma rotina tediosa e desinteressante. Até que um dia Florence encontra a biblioteca proibida da mansão. E passa a devorar os livros em segredo. Mas existem mistérios naquela casa que jamais deveriam ser revelados. Quem eram seus pais? Por que Florence sonha sempre com uma misteriosa mulher ameaçando Giles, seu irmão caçula? O que esconde a Srta. Taylor? E por que o tio a proibiu de ler? Florence precisa reunir todas as pistas possíveis e encontrar respostas que ajudem a defender seu irmão e preservar sua paixão secreta pelos livros - únicos companheiros e confidentes - antes que alguém descubra quem ousou abrir as portas do mundo literário. Ou será que tudo isso não seria somente delírios de uma jovem com muita imaginação? (Skoob)

 Não deixe essa capa e título tão inocentes enganarem você, esse livro é muito mais que isso.
 Melhor, não pense na história como somente uma menina que não sabia ler. O título original é Florence e Giles, o que nada tem haver com o nacional.

 Primeiro de tudo, ele é dividido em duas partes, a primeira de doce e inocente, onde a personagem principal e narradora, a pequena Florence de apenas doze anos, fala sobre sua vida, de como os pais morreram e ela e seu irmão mais novo, Giles, ficaram sobre a guarda de um tio ausente, que nunca aparece para saber como eles estão, que apenas contratou criados e uma governanta  para "cuidar" deles na antiga e abandonada mansão.

 Florence fora proibida de aprender a ler por seu tio, que é contra qualquer estudo para mulheres, senão aprender as atividades domésticas. Giles é mandado para a escola e Florence fica a perambular sozinha pela grande mansão, até que certo dia encontra uma gigantesca biblioteca abandonada e, mesmo não sabendo ler, encontra lá um refúgio para seus dias vazios. Logo Florence aprende a ler sozinha, e fica dia após dia lendo as escondidas na biblioteca. 

 Na segunda parte, o pequeno Giles é mandado de volta para casa, depois de não ter conseguido se adaptar ao colégio. E por isso, uma perceptora é contratada para ele, uma mulher que logo faz a pequena Florence desconfiar de suas verdadeiras intenções na grande mansão. A segunda parte é bem sombria, e eu não fazia ideia que esse livro iria me fazer sentir medo. Mas calma, esse livro não é de terror, mas causa medo com toda a certeza.

 O autor causou um tipo de confusão na minha mente, quase toda a segunda parte é cheia de duplos sentidos, e o final fica deixando coisas em suspenso como se houvesse um segundo volume para sanar as dúvidas e perguntas que ficaram no ar mas, como um segundo volume não existe, o autor deixou todas essas perguntas no ar para que nós mesmos achemos uma resposta para elas ou, para pelo menos deduzirmos, e isso, não foi um ponto negativo, eu simplesmente amei e fiquei pensando no livros, os personagens por dias depois que terminei de ler.

 Sem dúvidas um dos melhores livros que li na minha vida, que me fez ter os mais contraditórios sentimentos ao mesmo tempo, carinho e amor pelos personagens como Florence e Giles, e sentir um medo e repulsa dos fatos sinistros que ocorrem na segunda parte. Eu que pensava que seria um livro bobo, ou pelo menos água com açúcar me surpreendi, e muito. John Harding criou uma histórias fantástica, com personagens incríveis. A menina que não sabia ler é, com toda a certeza, um livro que você não pode deixar de ler.

11 comentários:

  1. Sempre tive vontade de ler esse livro e o preço dele até está bom , depois da sua resenha a vontade voltou ! OMG!

    ResponderExcluir
  2. Eu ainda não li este livro, tenho muita vontade, já li bons comentários sobre ele.
    Sua resenha ficou ótima. Parabéns.
    Beijokas enormes
    Brih
    Meu Livro Rosa Pink

    ResponderExcluir
  3. Ei May, comprei esse livro no fim do ano passado, e estou curiosa para ler. Mas não sei se vou gostar, tenho a impressão de que esses pontos em aberto não vão me agradar muito.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Tinha cogitado comprar este livro, mas acabei não fazendo. Acho que foi pelo próprio título, pensei que a história girasse somente em torno dele.
    Já mudei de ideia. E fico feliz que ela tenha sido um dos melhores livros que você tenha lido, isso me encheu de vontade de ler. E me deu a quase certeza de que você vai gostar de ler o livro que ganhou no meu blog. ;)
    Vou atrás deste livro que você resenhou.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Aliás, antes que eu esqueça, outra vez: May, você não cansa deixar esse blog lindo, hein?

    ResponderExcluir
  6. Primeiro quero dizer que o layout do blog está maravilhoso!
    Ameeei! *---*

    Ainda não li esse livro, mas ele parece ser bom.

    BjO

    http://the-sook.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Já ouvi falar coisas muito boas desse livro.
    Mas acho que não faz muito o meu estilo não, espero que um dia eu consiga lê-lo.

    Ótima resenha.

    Beijos!
    #Resenha falada.

    ResponderExcluir
  8. Oi!

    Bom, desculpa estar mandando este comentário, mas é que com esta mudança do GFC, acabou sumindo meu gadget antigo e gostaria muito que você me seguisse novamente para não perdermos os contato, o que acha? (:

    Um beijão,
    Pronome Interrogativo.
    http://www.pronomeinterrogativo.com

    ResponderExcluir
  9. Adoreiiiii a sua resenha sempre tive vontade de ler esse livro mas tinha medo, com a sua resenha só veio a aumentar essa vontade.

    Bjocas

    http://amomuitolivrosefilmes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Oi May!
    Vi esse livro na biblioteca e até quase o peguei, mas a sinopse não chamou a minha atenção. Porém depois da sua resenha fiquei curiosa para lê-lo!
    Beijinhos.

    http://booksedesenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi May,

    Eu estou louca para ler esse livro, mas ainda não tive a oportunidade. Eu adorei sua resenha, só me deixou mais curiosa ainda KKKKK. Eu acho a capa linda, e todo mundo diz que o título não tem nada a ver com a história do livro, então eu não me deixo enganar, haha.

    Beijos, Sonhos de Garota

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário, assim que possível retribuirei a visita.
Todas as perguntas serão respondidas aqui.
Beijos