13 maio 2013

Resenha: Reunião


Autora: Meg Cabot
Série: A Mediadora - livro 3
Editora: Galera Record
Páginas: 272
Ano: 2009
 Suzannah é uma adolescente como outra qualquer. Bem, quase...Ela tem um pequeno segredo: é uma mediadora. Fala com fantasmas e os ajuda a descansar em paz. Um dom um tanto incomum para ser divido com os colegas, irmãos e até mesmo com a mãe. Mas de uma pessoa Suzannah não conseguirá esconder seu segredo. Gina, sua melhor amiga de Nova York, está na cidade passando uns dias com ela. Durante sua estada, quatro adolescentes morrem num acidente de carro. E Suzannah se vê obrigada a abrir mão de seus dias tranquilos com a amiga para ajudar as almas penadas. (Skoob)






 A melhor amiga de Suze, Gina, finalmente chegou de Nova York à ensolarada Califórnia para visitá-la durante suas férias de primavera, mas os dias de sossego junto com a sua amiga parecem estar contados. Suzannah encontra quatro fantasmas de jovens que morreram a poucos dias, que eram conhecidos em sua escola como Os Anjos da RLS, em um supermercado, e para variar, eles estão furiosos e parecem estar atrás de Michael, um nerd da Academia da Missão. Agora só resta para Suze fazer com que eles sigam adiante na sua pós-vida antes que façam algum mal a alguém.

 Adorei esse terceiro livro da série. Teve um enredo melhor trabalhado que nos livros anteriores. A narrativa continua simples mais muito bem desenvolvida. Para mim, os personagens já parecem amigos de longa data, já me familiarizei com todos.
 As cenas engraçadas foram mais abundantes em Reunião e, pela primeira vez, me vi caindo nas gargalhadas com a senso de humor ácido da Suzannah.

 E como se não fosse o bastante ter que abrir mão de uma parte de sua vida social para cuidar de fantasmas, muitas das vezes furiosos, e se meter em cada enrascada tentando resolver os assuntos que eles deixaram pendentes quando ainda estavam vivos, Suze está tentando, mas a cada dia que passa, se vê mais apaixonada por Jesse, o cara que está morando no quarto dela, e que só tem um defeito, bem, ele está morto.


Não faço a menor ideia quanto ao que Jesse deixou inacabado - e a verdade é que também não creio que ele saiba. Mas não parece justo que, se estou destinada a dividir o quarto com o fantasma de um defunto, o defunto seja tão gato. 

 Sério mesmo. Jesse é lindo demais para minha paz de espírito. Eu posso ser mediadora, mas ainda sou humana, caramba.
 A única coisa que me irritou foi o fato de ser lembrado o tempo inteiro que a Suze é uma mediadora e o que uma mediadora faz e quais são os seus dons. Todos os livros são bem curtinhos e mesmo assim, os três primeiros livros, que foram os que já li até agora, repetem isso. Achei isso bem cansativo mas, para quem quer ler os livros fora da sequência exata da série, é uma coisa boa.

 Resumindo, apesar do tema "fantasmas", Reunião é um livro, assim como toda a série, pelo que estou lendo, feito para divertir.
 Recomendo para quem já está lendo e gostando da série. E quem está pensando em desistir, dê uma chance, Reunião supera seus antecedentes.

Um comentário:

  1. Oi May,

    Você não sabe o quanto sou louca de curiosidade para ler a série A Mediadora. Até hoje só li um livro da tia Meg (Como Ser Popular), infelizmente, mas sempre quis ler mais obras dela. Por mais que eu não curta tanto ler séries, acho que A Mediadora vale muito a pena.

    Beijos!

    ResponderExcluir

Obrigada pelo comentário, assim que possível retribuirei a visita.
Todas as perguntas serão respondidas aqui.
Beijos